segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

QUANTO VALE O SEU MINISTÉRIO?


Deus tem dado a cada um de nós talentos, dons para serem usados em benefício do REINO.
Alguns pregam, outros cantam, outros oram por milagres, alguns profetizam...
É comum querermos em nossas igrejas, em nossas festas os "melhores pregadores" e os "melhores cantores". Mas quanto isso tem custado? quanto custa uma "mensagem quentinha do céu"? quanto custa uma "oração eficaz"? quanto custa ouvirmos em nossa igreja um cantor que tem a sua música em primeiro lugar nas "paradas de sucesso"?
Na maioria das vezes ficamos decepcionados porque não conseguimos (não temos o dinheiro suficiente) trazer em nossas igrejas tais pessoas. Será que realmente vale a pena?
Eu sei perfeitamente que o OBREIRO É DIGNO DO SEU SALÁRIO, sem sombra de dúvida. Tenho plena convicção que quando trazemos em nossa cidade, em nossas igrejas pregadores e cantores os mesmos devem ser bem recebidos, devem ser tratados com honra. É justo que a liderança da igreja oferte no ministério do obreiro, muito deles vivem em função da obra.
Mas eu me refiro mesmo é ao verdadeiro COMÉRCIO que tem se transformado "o chamado ministerial" de alguns.
Fico escandalizada quando certos "pregadores" dizem que só pregam se receberem a quantia X, só cantam por "tal quantia". Outros dizem: "irmã, eu vou orar pela sua vida...mas para a irmã receber a vitória tem que fazer um sacrifício. OFERTE xxx reais!!!!
-Só viajo de 1ª classe!
-Hotel só ser for 5 estrelas!
MISERICÓRDIA!!!!!
Não julgo ninguém... quem sou eu para isso!
Eu canto há 10 anos. Nunca cobrei um centavo. Deus nunca deixou faltar nada, muito pelo contrário! Não sou hipócrita, já recebi ofertas e as recebo... mas nunca estipulei valores!
Não posso cobrar o que me foi dado de graça! Além de tudo, para não sermos "pesados, fardos" devemos ter o nosso emprego.
Temos que ter cuidado com as pessoas que estão utilizando os nossos púlpitos, as nossas igrejas.
O obreiro é digno do seu salário e devemos dar honra a quem tem honra, mas jamais aceitar que "mercenários" se beneficiem da inocência (ou ignorância) do povo.





3 comentários:

  1. É BOM ENGROSSAR ESSE DISCURSO DA VERDADE!
    VALE A PENA. OU FALAMOS OU AS PEDRAS....ELAS JA ANDAM DANDO GRITOS POR AÍ, É SÓ OUVIR. OLHA TEU EMAIL, MANDEI ALGO PRA TI.

    ResponderExcluir
  2. concordo e assino em baixo.mas quem o culpado de super star gospel cobrar um absurdo de dinheiro? nos.pois somos a igreja que autovaloriza esses super crentes,quando os convidamos para os nossos eventos,sem valorizar os cantores local.se nos paramos de valorizar esses showmans,com certeza eles irão pedir pra cantar,pregar,orar e para participar dos nossos eventos.gostei muito do comentário.parabens,você é uma benção nas mãos de DEUS e que o mesmo lhe abençoe e sopre o seu nome para os quatro cantos do brasil e faça diferencia para os super star gospel.amem!?

    ivair de oliveira/ivaird@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. Obrigado pelo comentário no meu blog! Apareça sempre que quiser.
    Ah... e escolhi esse texto não por acaso... afinal também não concordo com esse negócio de cobrar uma fortuna para fazer a obra de Deus...

    Que o seu ministério triunfe a cada dia.

    Paz,

    Jr.

    ResponderExcluir