terça-feira, 10 de março de 2009

Vaca de presépio,eu?




Estamos na era da alienação, da crítica e dos donos da "verdade".


A internet tem um poder extremo de propagar informação com uma rapidez exacerbada. Temos ao alcance de nossas mãos toda e qualquer tipo de informação, podemos nos fazer conhecidos e conhecer qualquer coisa ou qualquer um. Aí está o grande problema...


Quando fazemos uma pesquisa num desses sites de busca ou até mesmo visitamos páginas pessoais, sites ou portais nos colocamos a mercê de qualquer tipo de conteúdo. A maioria das pessoas não se dá ao trabalho de verificar a veracidade das informações.


No mundo cristão acontece a mesma coisa. É comum pregadores, “teólogos” e “pastores” ministrarem em nossas igrejas. O que fazemos? Simplesmente batemos palmas, confirmamos cada palavra dita por eles.


Oséias 4:6 O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento. PURA VERDADE.

Se a pessoa possui um “nome”, se possui fama ou certo número de seguidores tudo o que ela passa a dizer torna-se uma verdade indubitável.


O que anda acontecendo tanto no mundo secular como em nossas igrejas é um verdadeiro absurdo. Existem os dois pontos extremos:
1. Os críticos: não fazem nada, não adoram, não ajudam em nada... MAS a língua é áspera e esta sempre pronta a destilar veneno. Só conseguem enxergar os defeitos.
2. Alienados: chamados de “vacas de presépio”. São aqueles que acreditam em tudo, não tem personalidade e nem opinião acerca de nenhum assunto. A única coisa que conseguem fazer é confirmar e “comer qualquer comida”.


II Timóteo 3:16 Toda Escritura é divinamente inspirada e proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça;


5 comentários:

  1. Olá, Cristiane!

    Ótimo texto! Também gostei da vaquinha... Risos.

    Fiquei pensando: "Nesses tempos pós-modernos precisamos ser webereanos". Os bereanos examinavam cada dia nas Escrituras (At 17.11), pois ela é a dona da Verdade, e os webereanos devem fazer o mesmo, submetendo à Bíblia tudo o que leem, veem e ouvem na grande rede.

    Outra coisa importante que os weberanos devem fazer: ser criteriosos. Eu, por exemplo, como um webereano, sou bastante seletivo. Veja que os bereanos ouviam Paulo e Apolo, e ainda submetiam o que ouviam ao teste da Palavra. Mas eles ouviam homens verdadeiramente compromissados com a Palavra. Daí os receberem de bom grado (At 17.10,11), o que também os tessalonicenses faziam (1 Ts 2.13), sem, contudo, confrontarem o que ouviam com a Bíblia. Por isso, aqueles foram mais nobres do que estes.

    Na Wide World Web há pastor e impostor, prebítero e "presbicho", diácono e "diacho", apóstolo e apóstata, teólogo e "té logo", pregador e predador, etc. O que fazemos? Simplesmente batemos palmas para eles? Claro que não! Examinemos as Escrituras, pois elas são a Verdade. Deus é o Dono da Verdade. Jesus disse: "As minhas ovelhas ouvem a minha voz" (Jo 10).

    Você disse que na WWW e nas igrejas existem os críticos (na verdade, os maus críticos, pela sua descrição) e os alienados. Mas há também os conformados. Sim, os conformados com o erro, com a heresia, com os modismos injustificáveis, que não combatem o erro, porém combatem quem combate o erro com sinceridade e temor de Deus!

    Existem os bons críticos, que criticam por amor, ainda que alguns os tenham como arrogantes, sarcásticos, etc., os quais fazem o que a Palavra de Deus manda em João 7.24; 1 João 4.1; Mateus 7.15-23; 1 Tessalonicenses 5.21; Atos 17.11; 2 Coríntios 11.3,4; Galátas 1.8; 2 Pedro 2.1,2; Atos 20.28-31; 1 Pedro 4.17, etc.

    Que Deus abençoe a sua vida e o seu ministério!

    Ciro Sanches Zibordi

    ResponderExcluir
  2. Caro Pastor Ciro, concordo plenamente com o senhor!
    Sinceramente, eu ando muito chateada com tantas aberrações que andam tentando "tomar" as nossas igrejas...
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  3. Extremamente contundente essa sua afirmação: “Estamos na era da alienação, da crítica e dos donos da "verdade””. Embora estejamos cercados por muita tecnologia e informação e nos sintamos evoluídos por isso, o que a gente mais precisa é voltar um pouco no tempo e recorrer a utensílios primários, quase rudes, pra poder separar o que presta e o que não presta de tudo isso que está ao nosso redor. O melhor desses utensílios é a peneira. Acho que a maioria das pessoas já esqueceu que ela existe e é muito eficaz quando queremos descobrir quem é quem nos jogo dos discursos. Eu poderia escrever muitas laudas sobre isso, mas você já disse tudo! Nós, o povo, só vai deixar de destruir e de ser destruído quando o verdadeiro CONHECIMENTO e aprender de novo a usar a PENEIRA.

    ResponderExcluir
  4. Paz do Senhor! Irmã Cristiane!

    Se passamos tudo que vemos e ouvimos pelo crivo das Escrituras e vivermos, praticarmos e ensinarmos o genuíno evangelho aos poucos com as bênçãos do Senhor se levantará os assem-bereianos compromissados com o Senhor e Sua palavra.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  5. A paz do Senhor, Cristiane.

    Precisamos tomar cuidado com o que ouvimos nos púlpitos!!! Como você mesma disse, estamos dispostos a receber todo e qualquer pregador com aclamações, mas não somos capazes de examinar o que é ensinado por ele.

    Que bom que você publicou um texto assim, com recomendações que podem abrir nossos olhos espirituais! Continue fazendo a luz de Cristo brilhar através de seu ministério.

    Deus te abençoe poderosamente.

    ResponderExcluir