sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Qual deve ser o vocabulário de um obreiro??



A paz do Senhor,amados! Estou de volta depois de uns dias de muita paz e descanso em Santa Catarina.
Mesmo assim, meu senso crítico continuou bastante aguçado, afinal estava de férias do trabalho e não do reino de Deus.
Todo Cristão é (re)conhecido pelo seu bom testemunho, por uma vida digna, irrepreensível, santa... Mas o que anda acontecendo com os crentes dos dias hodiernos? O que anda acontecendo em nossas igrejas que permitem que tudo seja visto como uma atitude normal? O secularismo, o mundanismo, a carnalidade e o diabo têm sido aliados fortíssimos na destruição de conceitos que antes eram tidos como sadios e edificantes. Hoje, tudo é “normal”...
Vamos ao que interessa... Tive contato com alguns “obreiros”, “ministros” do evangelho nessa minha “andança”.
O que tenho observado é que falta santidade e sobra carnalidade na vida de alguns que se dizem verdadeiros “homens de Deus”. É lamentável que tenhamos que escutar da mesma boca que diz pregar o evangelho conversa maliciosa e de duplo sentido :“A boca fala daquilo que o coração está cheio”. (Mt 15:18). Um vocabulário que não condiz com a posição de embaixador do Reino. Obreiros, homens casados que deixam que o velho homem ainda prevaleça em suas vidas.
Nem todos podem fazer como Isaias: Ai de mim, que vou perecendo porque eu sou um homem de lábios impuros, e habito no meio dum povo de impuros lábios, e os meus olhos viram o Rei, o Senhor dos Exércitos!
Ficam então, algumas verdades que devem ser latentes na vida de um obreiro aprovado:
1. O verdadeiro obreiro deve ter uma vida digna não só diante de Deus, mas também dos homens.
2. O verdadeiro obreiro tem que ter a palavra de Deus no coração e na boca.
3. O verdadeiro obreiro tem que respeitar o seu próximo, deve exalar o bom cheiro de Cristo.
4. O verdadeiro obreiro é cheio do Espírito Santo e o fruto do Espírito deve ser notório em sua vida.
5. O verdadeiro obreiro tem compromisso com o Reino e com a verdade. O seu “vaso” é para honra e não para desonra.

Na dúvida?? Se for para falar besteira é melhor ficar calado...
Paz do Senhor!

3 comentários:

  1. Parabéns, querida irmã.

    Seu blog é muito abençoado e abençoador.

    Já estou seguindo.

    Se desejar e me der a honra de visitar a minha página, o endereço é:

    alexmaltta.blogspot.com
    Evangelho da Graça

    ResponderExcluir
  2. Ou fale apenas a bíblia né!!Acontece que para muitos falar a bíblia é só na igreja, fora falasse até o que não deve, mas, a bíblia é assunto antiquado. Que Deus nos oriente, nos dê vozes que vão além da rede de computadores e entre na alma dos militantes do reino de Deus, e lhes cause uma reação positiva, diante dos desafios da palavra de Deus a um viver dígno e santo diante do evangélho!

    ótima postagem, um grande abraço e a paz do Senhor Jesus!

    ResponderExcluir
  3. A Paz do Senhor, irmã Cristiane!
    Ótimo post!
    Vemos que realmente alguns obreiros, não só estes como também os membros, não têm vigiado com sua postura!
    É a mais pura verdade.
    Depois, dê uma olhada no meu bloguinho (bloguinho porque não tem postagem quase nenhuma, rs) e comente sobre os textos.
    Abraço grande, e fique na Paz do Senhor Jesus.

    Sucesso no matrimônio! Que Deus abençoe e consolide essa união!

    Simone
    adoracaoreverente.blogspot.com

    ResponderExcluir